rede social

Para 75%, marketing de influência é pilar estratégico

Para 75%, o marketing de influência é pilar estratégico dentro de um plano de comunicação. Saiba mais na pesquisa da Youpix e Nielsen

Redação

25 de abril de 2023

COMPARTILHE

Para 75% dos profissionais, o marketing de influência já é visto como pilar estratégico de um plano de comunicação. A informação é da Pesquisa ROI & Influência 2023, realizada pela Youpix em parceria com a Nielsen. A pesquisa ouviu cerca de 100 profissionais de diferentes empresas e setores, sendo 66% de altos cargos como CEOs, diretores, gerentes e coordenadores, entre 17 de fevereiro e 17 de março de 2023.

A pesquisa também revelou que dobrou o número de anunciantes com orçamentos superiores a R$1,5 milhão de reais de 2021 para 2023 destinados para ações de marketing de influência. Nas empresas com mais 1,5 milhão de orçamento por ano, 37% realizam ações com mais de 50 influenciadores e 85% fazem mais de 10 ações com influenciadores por ano.

Outro dado da pesquisa mostra que 51% dos entrevistados pretendem aumentar o budget destinado a campanhas com influenciadores em 2023, quando comparado ao valor investido em 2022. Já 33% querem manter a quantia investida no ano passado.

Veja também: 5 tendências de mídia social para 2023

Redes Sociais

As plataformas de vídeo, principalmente de vídeos curtos, são preferidas para as campanhas.  Para 99% dos entrevistados, o Instagram é a rede social mais procurada para campanhas com influenciadores. Em seguida, aparecem Tik Tok com 63,4% e o Youtube com 37,4% das preferências.

Entre os desafios para aumentar o investimento, 69% dos entrevistados têm dificuldade de quantificar o ROI e provar a efetividade do influenciador. Para 30% dos respondentes, existe uma baixa percepção de profissionalização do mercado, 29% acham muito caro esse tipo de ação e 23% têm dificuldade de planejar as ações. Os entrevistados também apontam o desafio de convencimento das lideranças. Para 28% deles, as lideranças da empresa não acreditam em marketing de influência.

TAGS:
digitalestratégia de marketing digitalmarketingmídias sociaisredes sociais

Conteúdos relacionados

Bem vindo de volta