LinkedIn

7 dicas para elaborar um currículo eficiente em 2023

Especialista da Vagas.com conta como elaborar um currículo para atrair a atenção dos recrutadores e conquistar uma oportunidade de emprego

Redação

10 de janeiro de 2023

COMPARTILHE

Está em busca de uma vaga e não tem nem currículo? Ou acha que o seu currículo está ruim ou fora do padrão? Então, essas dicas da Luciana Calegari, especialista em Recrutamento e Seleção da Vagas.com, podem te ajudar. De acordo com Luciana, alguns erros são antigos e ainda são cometidos e causam eliminações em processos seletivos até hoje. É o caso da inclusão de informações irrelevantes, a utilização de fontes e layouts muito personalizados e fora do padrão, por exemplo.

Também há casos que o candidato só coloca o nome da empresa e o período trabalhado, mas esquece de descrever informações importantes como as atividades desempenhadas, as entregas, tarefas e etc. Para começar 2023 com o “pé direito” e um bom currículo nas mãos, siga as dicas da especialista.

Veja abaixo 7 dicas de como estruturar um currículo interessante e eficiente:

  

1 – Dados pessoais no cabeçalho – Informações como nome completo, endereço, telefone e e-mail devem ser inseridas no início do currículo em formato de cabeçalho. Dessa forma o recrutador identifica e, se for o caso, entra em contato rapidamente com o candidato. Não há necessidade de incluir os números dos documentos pessoais.

  2- Objetivo Profissional – É importante detalhar qual objetivo do profissional, ou seja, em qual cargo e área de atuação o participante deseja ingressar na instituição. Informações breves e concisas. Exemplo: “Estagiário de Marketing”   

3 — Resumo – Este espaço é destinado para que o profissional resuma sua história. Breves informações sobre a formação acadêmica, habilidades e projetos realizados. Um ou dois parágrafos, evitando o uso de adjetivos.
  

4 – Experiência Profissional – Oportunidade para detalhar as experiências profissionais vividas ao longo de carreira. Nome da instituição, cargo ocupado, resultados obtidos e tempo de trabalho são alguns itens essenciais deste campo.

Exemplo: Nome da empresa + breve descrição (segmento, porte, nacionalidade). Cargo + data de início/fim + principais atividades e, se possível, alguns destaques/resultados.

5 – Formação Acadêmica – Cursos, graduações, mestrados e outras formações acadêmicas devem ser detalhadas neste tópico. É importante incluir o nome da instituição de ensino, o nível do estudo e as datas de início e término.
 

6 – Cursos Complementares Espaço reservado para cursos ligados com a área de atuação pretendida. Nome do curso e da instituição + carga horária total + data de início/fim. Estudos antigos ou desatualizados não devem ser incluídos.

7 – Competências e Informações Complementares – Caso o profissional tenha informações ou experiências adicionais pode incluí-las nesta etapa do currículo. Carteira de habilitação, prêmios, palestras e intercâmbios são alguns exemplos.

TAGS:
cursosplanejamentoplano de carreirasaláriosoft skillsvagas

Conteúdos relacionados

Bem vindo de volta