compras

Um em cada cinco já usou IA generativa para compras

Estudo da Capgemini reforça a tese de que os consumidores estão recorrendo cada vez mais a meios digitais para fazer suas compras

Redação

24 de janeiro de 2024

COMPARTILHE

Os consumidores estão utilizando mais meios digitais para realizar suas compras, revelou um novo estudo da Capgemini. De acordo com o levantamento, um em cada cinco consumidores, inclusive, já usou IA generativa em compras e quase metade dos consumidores da Geração Z já compraram produtos em uma plataforma de mídia social.

Apesar dessa maior inclinação ao digital, o estudo observa que que os consumidores seguem “preguiçosos”, pois ainda buscam a figura do vendedor para realizar a compra de um produto. Neste contexto, Mauricio Andrade de Paula, especialista em Transformação Digital para empresas de Bens de Consumo, Varejo e Distribuição LatAm da Capgemini, exemplifica o chatbox como uma ferramenta mais avançada de busca, mas menos evoluída pois responde as dúvidas de forma menos aprofundada, com respostas curtas e sem o devido contexto para aquele consumidor.

Leia também: 5 tendências para o futuro da experiência do cliente

A pesquisa mostra que as redes sociais ainda são um meio de muita confiança dos consumidores, pois passa a impressão de ser um ambiente autorregulador para mentiras de vendedores, com a presença de influenciadores, consumidores e espaço para comentários que identificam as falhas e alertam para mentiras. Entretanto, há o alerta de que AI também faz avaliação de produtos nas redes sociais, o que pode afetar a credibilidade de informação passada.

Mauricio lembra que no contexto da digitalização acelerada dos últimos anos, não há mais a separação da loja física e o digital. Agora é “Figital”. “A loja dos sonhos do consumidor é a loja que o consumidor consegue testar, usar, ações sustentáveis para ele devolver um produto, etc e que tenha as mesmas ferramentas tecnológicas que digital consegue oferecer. As estratégias de e-commerce e loja física precisam ser conectadas e não separadas”, destaca.

Via IT Forum

TAGS:
comprasconsumidorese-commercegeração zIAIA generativa

Conteúdos relacionados

Bem vindo de volta