Consumidores

60% dos empreendedores estão otimistas com Black Friday

Empreendedores online estão otimistas para vendas neste ano, de acordo com levantamento da Nuvemshop

Redação

4 de outubro de 2023

COMPARTILHE


A Black Friday, data mais importante para o varejo online, está próxima e a maioria dos empreendedores está otimista (60%). O número de lojistas participantes da Black Friday deve aumentar: 93% afirmam que realizarão campanhas promocionais neste ano, sendo que somente 53% realizaram em 2022. É o que aponta nova edição da pesquisa “Aquecimento Black Friday 2023” realizada pela Nuvemshop, plataforma para criação de lojas virtuais que é líder na América Latina.

“A Black Friday é um momento bem aguardado pelo varejo online por ser uma das datas de maior impacto no faturamento anual. É importante que o empreendedor se prepare para obter os melhores resultados, atentando-se à transparência com o consumidor, sem oferecer descontos falsos, e priorizando o bom atendimento e entrega. Para evitar cair no erro de usar a data apenas para vender produtos parados no estoque, recomendo um bom planejamento, escolhendo um mix de produtos interessantes e atrativos para os consumidores”, comenta Marcela Orlandi, gerente sênior de Sucesso do Cliente da Nuvemshop.

O levantamento também mostra que a data é importante no faturamento anual de 64,5% dos pequenos e médios empreendedores online. Para metade deles, o aumento esperado no faturamento de novembro é de até 30% (em comparação a outubro); enquanto apenas 9,6% acreditam que não haverá aumento.

Veja também: 32% dos negócios online pertencem à categoria MEI

A maioria (93%) pretende realizar campanhas promocionais para a data. Para competir com as grandes marcas, as PMEs estão apostando na realização de promoções por um período maior do que apenas a sexta-feira. Cerca de metade dos pequenos e médios negócios online (49%) realizará promoções durante toda semana da Black Friday; 15% durante duas semanas; e 21,6% em todo mês de novembro.

Pouca antecedência na preparação

A pesquisa também indica o período de planejamento e organização dos lojistas para a data: 35% relataram começar as atividades entre um e dois meses antes da Black Friday; e 30,5% se preparam entre um mês e quinze dias antes. Apenas 12% se preparam com mais de dois meses de antecedência.

“Quanto antes o empreendedor se preparar, melhores ações promocionais conseguirá realizar e, consequentemente, maiores as vendas, sem comprometer seu orçamento e organização para oferecer frete grátis e descontos. Indico criar um cronograma de conteúdos e preparações, prevendo as alterações necessárias no site para a campanha, estabelecimento dos preços e gestão de grupos VIPs com clientes fiéis”, comenta Marcela.

A pesquisa “Aquecimento Black Friday 2023” foi desenvolvida com uma amostra da base de pequenos e médios empreendedores online da Nuvemshop durante o mês de agosto de 2023.

Quer saber mais notícias como essa? Assine nossa newsletter gratuita

TAGS:
black fridaye-commerceempreendedorismosucesso do cliente

Conteúdos relacionados

Bem vindo de volta